Homero Costa Advogados

+55 (31) 3282-4363
advocacia@homerocosta.adv.br


Notícias



Cade concede aprovação para a compra da Brasil Kirin pela

Heineken no País

Terça-feira 09 de Maio de 2017.

São Paulo - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições, nesta segunda-feira (8), a compra da fabricante de cerveja e refrigerante Brasil Kirin pelo grupo holandês Heineken, sem impor restrições à operação.

A aprovação foi publicada em despacho pelo superintendente-geral do Cade, Eduardo Frade Rodrigues.

A Heineken anunciou em meados de fevereiro um acordo com a japonesa Kirin para compra da unidade brasileira, tornando-se a segunda maior fabricante de cerveja do Brasil, em um negócio de US$ 1,1 bilhão. A Brasil Kirin, por sua vez foi formada em 2011, quando o grupo japonês anunciou a compra do controle da brasileira Schincariol por R$ 3,95 bilhões, cerca de US$ 2,6 bilhões na época.

Em parecer, o Cade afirmou que a compra da Brasil Kirin pela Heineken "não gera preocupações concorrenciais", citando que a principal rival das empresas, a Ambev, tem participação de mercado de mais de 60%. Além disso, o Cade cita no documento que "A Brasil Kirin não vem se mostrando, nos últimos anos, um grupo capaz de rivalizar com as grandes empresas do mercado, com destaque para a Ambev".

"Como resultado, a Brasil Kirin vem perdendo participação de mercado em quase todos os mercados. Assim, a aquisição pela Heineken permitirá aumentar a capacidade competitiva tanto da Brasil Kirin como da própria Heineken, permitindo, pelo menos em tese, a criação de um terceiro grupo mais efetivo no mercado de cervejas", afirmou o Cade.

Resultado

Apesar das dificuldades enfrentadas nos últimos anos, a companhia conseguiu reverter o prejuízo no País no último ano e lucrar R$ 271 milhões, de acordo com informações divulgadas pela fabricante.

"Enquanto o setor registrou queda de 4,8% na produção de cervejas e 9,0% em refrigerantes, segundo Nielsen, a Brasil Kirin cresceu 3,5% em volume de vendas, sendo 1,3% em cervejas e 7,4% em refrigerantes", destacou a companhia, em nota enviada à imprensa.

A receita líquida somou R$ 3,7 bilhões em 2016, alta de 5,5% contra um ano antes.

Para 2017, a Brasil Kirin havia anunciado que manterá a estratégia de atuação regional, ampliando a distribuição de seus produtos no País.

Da Redação e Agências

__________

Fonte: Diário Comércio Indústria & Serviços


Nossa Missão:

Apoiar os  nossos Clientes na realização de seus negócios, evitando-se litígios, prestando serviços jurídicos compromissados com a ética, responsabilidade e excelência.

Rua Manoel Couto, 105 Cidade Jardim CEP 30380-080 Belo Horizonte MG / Tel.: 31 3282-4363 Cel.: 31 9613-2297 e 31 9834-6892 Fax: 31 3281-2015
SITE DESENVOLVIDO POR ACT COMUNICAÇÃO EM PARCERIA COM READYPORTAL